A FAZENDA: OS FINS DE SEMANA

OS FINS DE SEMANA





Minha mãe faz doces e salgadinhos para festa de aniversário e casamento por encomenda. Quem ajuda eh meu pai e meus irmãos mais velhos. Meu pai principalmente.



Geralmente eh nos finais de semana, mas às vezes tem encomenda para o meio de semana também. Quando eh casamento a encomenda tem bolo de três andares e muitos salgados e doces. O bolo só meu pai sabe fazer. Os salgados e doces eh o meu pai quem faz a maioria. Meus irmãos ajudam, mas não sabem fazer como meu pai. Minha mãe faz as massas dos salgados e doces. Às vezes meu pai chega do serviço na sexta e fica até bem a noite fazendo essas quitandas e depois no sábado levanta muito cedo para continuar.
Quando a pessoa que encomenda esses salgados e doces chega aqui em casa para pegar, meus pais estão terminando de fazer. Sempre em cima da hora, como costuma dizer minha mãe. Eh fazendo essas quitandas para festas que minha mãe ajuda meu pai nas despesas. Tem alguns doces que meu pai não gosta que minha mãe pegue como encomenda. São muito difíceis de fazer.

Um deles eh o Pinguim. Eh um doce feito de coco ralado com açúcar e moldado na forma de um pinguim, coberto com uma ameixa seca e aberta servido de costas do pinguim. Os pés eh meio grão de amendoim cada um, o bico um grão de arroz e os olhos dois confeitos brancos. Ficam iguaizinhos ao pinguim, mas meu pai demora em fazer cada um deles, motivo pelo qual ele não gosta que minha mãe pegue essa encomenda. Mas ela pega assim mesmo. Tem outros doces que têm de ser moldados que ele também demora em fazer, como a Nega Maluca e Grande Otelo.
Quando minha mãe tem essas encomendas para casamento, sempre podemos comer alguns doces e salgados, porque ela faz passando, isto eh: mais do que foi encomendado. Acho que eh para gente poder comer mesmo. Mas esses doces que meu pai tem que moldar, geralmente ele faz a conta certa, ai não podemos comer deles.

Mas não importa, porque tem outros salgadinhos e doces que podemos comer. Meus pais têm esse trabalho todo pensando em ter um dinheiro a mais para gastar com a gente, mas nós só pensamos no que vai sobrar pra gente comer. Porque nesses dias eh que comemos algo diferente, porque o almoço eh sempre igual, menos domingo, que eh diferente.
Texto: Thymonthy Becker (Pwalwer Kkall)

Fonte dos textos e fotos: Thymonthy Becker / Divulgação 




CONHEÇA OS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA (USA)


VALEU PELA AVENTURA

Nenhum comentário:

Postar um comentário